quinta-feira, 10 de novembro de 2011

Pernambuco soma mais sete medalhas nas Olimpíadas Universitárias

O atletismo pernambucano conquistou seis medalhas nesta quarta-feira, último dia de disputa das modalidades individuais nas Olimpíadas Brasileiras Universitárias, em Campinas (SP). Foram dois ouros, duas pratas e dois bronzes. Com isso, o Estado chegou à marca de 29 pódios até aqui na competição.
O destaque pernambucano do dia ficou por conta das três medalhas conquistadas por Pedro Antônio da Silva. Ele foi ouro na prova do lançamento do dardo, prata no arremesso do disco e bronze nos 1.500m. “Ele teve uma apresentação de gala”, afirmou o presidente da Federação Acadêmica Pernambucana de Esportes (Fape), Roberto Gomes.
O outro ouro de Pernambuco veio na prova dos 110m com barreiras, com Jonathas Brito. A prata foi conquistada pela experiente Susyane Nunes no salto em altura, e o bronze, por Anderson Alves no lançamento do martelo.
COLETIVOS - Também nesta quarta, teve início a disputa das modalidades coletivas das Olimpíadas Universitárias. E Pernambuco não teve uma boa estreia. O Estado entrou em quadra oito vezes e amargou seis derrotas.
As únicas duas vitórias do dia vieram com equipes da Maurício de Nassau. No basquete feminino, o triunfo foi sobre a UCDM, do Mato Grosso do Sul, por 54x50. Já no vôlei masculino, o resultado positivo veio de forma bem mais tranquila: 3 sets a 0 sobre a Unisant’anna-SP.
JC Online