sexta-feira, 27 de maio de 2011

Funase deve oferecer 164 novas vagas para adolescentes infratores

Até o final do ano, cento e sessenta e quatro novas vagas serão abertas para o atendimento a adolescentes infratores em Pernambuco. A meta foi anunciada esta manhã pela secretária da Criança e da Juventude, Raquel Lyra, durante entrevista coletiva concedida em seu gabinete.
Segundo ela, o objetivo é concluir as obras do Centro de Atendimento Socioeducativo (Case) de Vitória de Santo Antão com 72 novas vagas; construir o Case Feminino de Jaboatão dos Guararapes com mais 72 vagas; recuperar o Case de semi-liberdade com 20 vagas e firmar parcerias com 27 municípios para atender jovens em liberdade assistida, disponibilizando uma verba de R$ 2,7 milhões.
Ainda de acordo com a secretária, a previsão é que até 2014 novas unidades sejam construídas para acabar com o excedente de 629 vagas. Hoje a Funase conta com um total de 1.498 internos quando as unidades têm uma capacidade total de 870 vagas. As situações mais graves acontecem nas Funases do Cabo de Santo Agostinho e Abreu e Lima. A maioria dos adolescentes foram apreendidos pela prática de furtos e assaltos